Resenha: Perversas - Sara Shepard | Padronizado


Resenha: Perversas - Sara Shepard

Resenha: Perversas - Sara Shepard

(Pretty Little Liars 5)

Atenção: Essa resenha pode conter spoilers de Maldosas, Impecáveis, Perfeitas e Inacreditáveis.

           Hoje vou falar sobre o quinto livro da série Pretty Little Liars, intitulado Perversas. Publicado no Brasil pela editora Rocco, a série, para resumir, conta a história da vida de cinco garotas: a perfeita, a gordinha, a estranha, a diferente e a que se cobra demais. A vida de todas muda quando Alison, a perfeita, decide virar amiga delas.
           Anos depois de uma amizade intensa, a vida de Hanna, Aria, Emily e Spencer vira de cabeça para baixo quando, do nada, Alison desaparece. Não sabendo como lidar com a perda da melhor amiga, elas se afastam uma da outra e seguem caminhos diferentes. Porém, elas são obrigadas a ficar unidas depois de muito tempo: encontraram o corpo de Alison. Ao mesmo tempo, todas começam a receber estranhas (e ameaçadoras) mensagens de alguém que chama a si mesmo(a) de A.
           
           Para começar a falar de Perversas em si, explicarei um pouco do que está acontecendo na vida de cada uma delas:
  • Hanna: algum tempo atrás, Mona, sua melhor amiga depois de Alison, se revela como A. Ela se sente mal e traída, pois nunca imaginou que isso aconteceria. Mona, antes de morrer, tenta atropelar Hanna, deixando-a em coma no hospital durante um tempo. Nesse tempo, ela pensa ter visto Ali dentro de seu quarto.
  • Aria: acabou de terminar um relacionamento com seu professor, pois algum tempo antes, A arruinou tudo quando revelou o relacionamento secreto deles. Ezra está vivendo perto da Universidade de Hollis, depois de se afastar da escola delas, Rosewood Day. Além de tudo, Ella, sua mãe, mal estava falando com ela desde que descobriu por A que Aria sabia um segredo do seu pai: ele estava tendo um caso com uma aluna onde ele dava aula.
  • Emily: gosta de garotas e era apaixonada por Alison. Depois da morte da amiga, ela namorou Maya, uma garota de sua escola. Ela teve grandes problemas em casa ao revelar sua opção sexual: por não aceitarem, seus pais mandaram-na para Iowa, onde ela participou de um programa para "corrigir seu problema". Claro que não deu certo e ela acabou beijando uma garota por lá. Maya descobriu e elas terminaram de uma forma não muito amistosa.
  • Spencer: determinada em ser a melhor, tentar agradar seus pais e pelo menos uma vez superar a irmã, Melissa, Spencer "roubou" um trabalho dela. O que ela não sabia é que sua professora se sentiria tão orgulhosa do bom trabalho que a indicaria para o prêmio Orquídea Dourada, que é consagrado. Não aguentando a mentira, Spencer contou para todos que o trabalho não era realmente dela, o que a colocou em apuros na escola e em casa. Seus pais pareciam gostar cada vez menos dela, tirando tudo que ela gostava e/ou precisava.
           Bom, como em todos os outros livros de Pretty Little Liars, cada capítulo conta a história de cada personagem separadamente. O primeiro sempre puxa algo do passado delas que será bem desvendado em cada livro, e esse passado normalmente se trata da Cápsula do Tempo, uma brincadeira de Rosewood Day que pode acabar se tornando perigosa...
           Na parte de Aria, podemos ver que ela não se cansa de homens mais velhos: ela vai à uma exposição de arte e acaba flertando com um cara que logo mais se revela como o namorado de sua mãe. Justo quando elas começam a se entender...
          Em se tratando de Hanna, que ainda não superou a morte da melhor amiga (ainda que ela fosse falsa!) podemos ver sua vida virar de cabeça para baixo quando seu pai a obrigada a lidar com Kate, a filha de sua mulher e a garota perfeita. Ela se vê desesperada pois Kate tomou seu lugar na vida do pai e ela detesta essa garota. Ao mesmo tempo, ela precisa recuperar sua popularidade, o que é extremamente importante.
           Emily, a garota que gosta de garotas, finalmente começa a ser aceita por sua família e a sociedade em geral. Seus pais não a abominam mais e parecem a amar mesmo que ela seja diferente. O mesmo com suas irmãs, o cunhado e tudo mais. Não há nada que pudesse estar melhor! Mas claro que não podia deixar de acontecer algo para estragar isso, certo? E, voilá, Emily se apaixona por um garoto. Isso mesmo!
           Spencer está tentando sobreviver ao terrível fracasso de suas mentiras com o Orquídea Dourada. Ela precisa passar em economia, ou será expulsa da escola. Não bastasse tudo isso, com a morte de sua avó, outras coisas podem ser reveladas em sua vida. Como quando na cerimônia de entrega da herança: ela não recebeu nada, pois não estava inclusa na lista de "netos legítimos". Hã? Sim, isso mesmo. Ao mesmo tempo, seus pais parecem odiá-la cada vez mais, tirando dela tudo o que gosta...
          Mesmo com todas essas coisas terríveis acontecendo na vida de cada Mentirosa, elas percebem que não estão seguras ao constatarem que todas estão recebendo mensagens ameaçadoras de uma suposta nova A, o que não é nenhum pouco gratificante depois da morte da primeira, Mona!
           O livro gira em torno de todos esses acontecimentos e se desenrola. Não sou a maior fã dessa série de livros (e também a de TV) por motivos óbvios: é extremamente grande e Sara Shepard adora uma enrolação. Sempre inventa alguma coisa nova que não sabemos como ela pode encaixar. Mas, como sempre, sou muito curiosa para deixar algo de lado e por enquanto não me arrependi. Depois de ler o oitavo livro da série, estou cada vez mais empolgada com os segredos que ainda tenho para descobrir! E fique calmo: em breve, você poderá ler uma resenha deste exemplar que comentei agora, intitulado "Perigosas".
           Por hoje é só, pessoal! Até a próxima!


Postado por: Gabriela Duarte.

Garanta já o seu exemplar!


(Clique aqui e conheça as vantagens de comprar pelo blog.)

 

Seguidores