Crítica: O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (2014) | Padronizado


Crítica: O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (2014)

Crítica: O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos

           Nessa quarta-Feira (10/11/14) ocorreu a Pré-estréia de "O Hobbit- A Batalha dos Cinco Exércitos" - diferente dos últimos anos que acontecia às quintas - saindo no Brasil uma semana antes do resto do mundo, exceto das sessões especiais, como na Comic Con Experience e Pré-estréia mundial. Sem mais enrolações, vamos ao filme.
           Este começa logo depois do gancho dado no "desolação de Smaug", com o dragão voando para a cidade do lago, sendo ele fogo e morte. O início é quente assim como as labaredas da besta, que rouba as cenas em que aparece, com a incrível interpretação de Benedict Cumberbatch, o nosso Sherlock.
           O longa vai transformando o seu foco de maneira natural, sem muito enrolo. Apresentando tensões de início ao fim, tanto para os que leram quanto os que não. Pois o diretor (Peter Jackson) fez muito bem em utilizar elementos que não estão presentes na obra homônima, mas nós apêndices de Silmarilion, como a reunião do Conselho Branco em Dol Güdur. Assim expandindo a trama do livro, transformando-o em uma história mais completa e tridimensional.
           Falando em 3D, vamos falar sobre esse tópico. Recomendo a todos a assistirem em IMAX, a alta resolução torna o filme mais lindo. Porém, se for ver em sala normal, não há necessidade de se ver em 3D, não é nada demais e não acrescenta nada.
           Julgando o filme e esquecendo do livro, ele funciona muito bem, inclusive como filme único, tendo início, meio e fim, diferente dos outros. Se equivalendo aos filmes da saga do Anel. A obra apresenta ótimas coreografias de luta e incessantes cenas de batalha, com direito a grandes "show offs" de Legolas, cumprindo seu papel de acrobata e matador de orcs. Não possui nenhum grande furo de roteiro, pecando somente na "CG" com algumas cenas dando nervoso, repetindo o mesmo erro dos outros dois filmes. Já como adaptação, o filme é melhor ainda, pois são adicionados elementos do universo Tolkien, menção honrosa à Aragorn. O filme é com certeza um "must watch", sendo um dos maiores blockbusters do ano.

Sendo um filme padronizado

Nota fria: 8.2
Nota de fã: 9.0



Postado por: Moskitokid

 

Seguidores