Resenha: Admirável Mundo Novo - Aldous Huxley | Padronizado


Resenha: Admirável Mundo Novo - Aldous Huxley

Resenha: Admirável Mundo Novo - Aldous Huxley

          Olá, hoje falaremos sobre "Admirável Mundo Novo" (skoob), uma publicação não recente, mas com um poder de sedução muito forte.
          O livro começa já interessante, passa as primeiras páginas formando no leitor uma ideia de como a sociedade se constrói naquela época futurística, cativando o leitor com uma descrição rica em detalhes que atualmente seriam absurdos, brincando com as noções de moral e ética. Sempre passando uma noção de relatividade aos nossos conceitos mais sólidos.
          Com o desenrolar da trama, vão sendo reveladas algumas informações impactantes, porém nada tão estonteante quanto ao que o leitor vai encontrar no momento em que alguns dos personagens visitam a "Reserva de Selvagens", e a partir daí a história muda completamente. Os personagens vão sendo melhor entendidos depois deste ponto e então as falhas da tão perfeita sociedade se tornam cada vez maiores.
          Além da história e das descrições de um mundo completamente novo, acontece um choque entre conceitos e visões de um mundo obsoleto e o presente mundo novo, uma verdadeira briga, e tudo tão real e possível que não te deixa parar de ler. E por último, um final nada esclarecedor, cheio de dúvidas, perguntas e suposições.
          Um narrador onisciente, exageros, citações de Shakespeare e um tema não muito popular na época, fez deste um livro singular. Pai da distopia, originou livros como 1984, a saga Sprawl e até Divergente. Então fica a recomendação para quem quer ler mais romances distópicos sem nenhum arrependimento ou receio de uma história ruim: Admirável Mundo Novo.




Postado por Matheus Meira.




- Procure precos para: Admirável Mundo Novo


 

Seguidores