Resenha: Brilhantes - Marcus Sakey | Padronizado


Resenha: Brilhantes - Marcus Sakey

Resenha: Brilhantes - Marcus Sakey

           A resenha de hoje é sobre o livro de estreia de Marcus Sakey, no Brasil pela Galera Record. Brilhantes é o primeiro livro de uma duologia, e fiquei sabendo sobre ele na primeira edição do evento Mochilão da Record, que aconteceu antes da bienal esse ano.
           Assim que ele foi lançado, minha urgência para comprá-lo era absurda, quase tangível! A história parecia ser maravilhosa e impressionante, e, devo dizer, o livro faz jus ao esperado. Tive minhas expectativas muito bem atendidas! Como foi dito no CBS Sunday Morning, "É assim que a imortalidade começa".
           Nos é apresentada a história de Nick Cooper, um agente treinado para caçar terroristas. Pai de dois filhos, Cooper é um "brilhante", ou seja, faz parte de uma pequena parcela da população. Os brilhantes começaram a surgir em 1980, quando um por cento das crianças que nasciam apresentavam sinais de inteligência avançada.
           No mundo criado por Sakey, o preconceito está muito presente na população. Muitos acreditam que os brilhantes são, de alguma forma, algo ruim para a humanidade "comum", ou seja, as pessoas que nasceram sem os "dons".
           O "dom" de Cooper é a capacidade de ler, de certa forma, os pensamentos das pessoas a partir de suas expressões, podendo prever seus próximos atos e também descobrir o que estão sentindo. Alguém já viu Lie to me? É bem parecido com o que vemos nessa série.
           O mais novo alvo de Cooper é nada mais, nada menos que o maior terrorista da atualidade, conhecido como John Smith. É um brilhante com o "dom" da estratégia, ou seja, é provável que ele sempre esteja vários passos à frente do governo e do próprio Cooper. Para capturá-lo, o agente terá que se disfarçar de uma maneira convincente, e ir contra tudo o que acredita.
           Não consigo expressar em palavras o quão fascinante é esse livro. Um mundo extremamente diferente e ao mesmo tempo bem parecido com o que temos hoje, onde a confiança é algo raro, o preconceito está em todo lugar e as injustiças estão onde menos se espera.
           Cheio de reviravoltas e jogos de poder, Brilhantes vai mexer com você de uma forma que poucos livros fazem. Nada é o que se espera e tudo pode mudar até a última página do livro (de verdade!), e é isso que torna o livro tão especial e atraente. Recomendo, e recomendo muito!


Postado por: Gabriela Duarte.


0 comentários:

Postar um comentário

 

Seguidores