Resenha: Boneca de Ossos - Holly Black | Padronizado


Resenha: Boneca de Ossos - Holly Black

Resenha: Boneca de Ossos - Holly Black

           Olá! Hoje irei falar de "Boneca de Ossos", livro infanto-juvenil lançado pelo mais novo selo da Novo Conceito, que se chama #irado. O selo promete várias aventuras para as crianças e pré-adolescentes. Mas calma lá, quem disse que nós, mais velhos, também não iríamos gostar?
           Esse é o primeiro que leio e, sinceramente, não me arrependo nada! Escolhi Boneca de Ossos pois estava curiosa com a autora. Holly Black está em alta! Amiga de Cassandra Clare, cada dia mais está entrando por todos os lados no mundo literário. Não tem como fugir!
           O livro é adorável. Cheio de lindas ilustrações que mostram pedaços da história, uma leitura fácil e personagens tão bem feitos que, obviamente, não tem como não se encantar! Mas, vamos ao que interessa: a história do livro!
           Tudo começa quando três crianças se juntam para brincar: Zach, Poppy e Alice. Zach acha que provavelmente está bem grandinho para brincar, e tem medo que seus amigos do time de basquete descubram. Acontece que ele só se sente bem com ele mesmo quando está com suas amigas e seus brinquedos.
           Poppy tem uma família bagunçada: irmãos desordeiros, pais que não ligam para os filhos e uma casa muito confusa. A hora de brincar é a hora que ela tem para se divertir e esquecer as coisas de dentro de casa. Já Alice não tem pais. Os dela morreram quando ela era menor, e agora quem cuida dela é a avó, uma senhora paranoica e que não a deixa fazer quase nada.
           Zach, Poppy e Alice criaram juntos várias histórias com seus brinquedos. Eles gostam de criar uma história e dar continuação à ela até o final, quando alguma outra entra no meio do caminho.
           O único brinquedo que eles não brincam, é um da mãe de Poppy: uma boneca que é supostamente muito valiosa, que vive trancada no cristaleiro da família. Eles a chamam de "Rainha", e ela é quem comanda todo o reino imaginário deles. Basicamente todas as histórias são sobre alguma forma de tirar a Rainha de sua prisão.
           Mas, tudo muda de repente quando o pai de Zach decide jogar todos os brinquedos do filho fora. Quando se vê sem seus amigos, ele decide que vai parar de brincar, pois nada mais faria sentido. Poppy e Alice ficam tão desesperadas por perder o amigo nas brincadeiras, que decidem tirar a Rainha de sua prisão.
           Mas, depois disso, Poppy começa a ter sonhos estranhos com uma menininha, um fantasma. A menina diz que os ossos de porcelana são feitos com seus próprios ossos e mostra para Poppy que as próprias cinzas estão guardadas dentro da boneca.
           Assustada, ela conta para Alice, que não acredita muito em tudo isso, até ver as cinzas. As duas chamam Zach no meio da madrugada com um plano: eles vão até a cidade da menina e enterrarão a boneca em seu túmulo, caso contrário, nunca mais terão paz. Zach fica meio desacreditado e triste por andar com as meninas quando ele não tem mais seus brinquedos.
           E então, eles decidem: irão viajar de ônibus até a cidade da menina fantasma, encontrar o cemitério onde seu túmulo está vazio e enterrar a boneca lá. Nessa aventura, eles passam por maus e bons bocados. É uma grande história, divertida e encantadora!
           Holly Black ensinou, muito sutilmente, o valor das amizades, das brincadeiras, da imaginação, etc. E ainda nos levou a entender e aceitar as mudanças em nós mesmos, pois é impossível não crescer, certo? É um livro inspirador e recomendo muito, não só para os mais jovens, mas para todo mundo!
           

Postado por: Gabriela Duarte.

Garanta já o seu exemplar!



(Clique aqui e conheça as vantagens de comprar pelo blog.)

 

Seguidores