Resenha: Os contos da Seleção - Kiera Cass | Padronizado


Resenha: Os contos da Seleção - Kiera Cass

Resenha: Os contos da Seleção - Kiera Cass

Aviso: essa publicação pode conter spoilers de A seleção, A elite e A escolha.

            Olá! Hoje vim aqui para escrever sobre o livro "Os contos da Seleção" (skoob), de Kiera Cass, publicado no Brasil pela Editora Seguinte, selo jovem da Companhia das Letras.
            Para ser sincera, sempre amei as capas desses livros. Acho deslumbrante os vestidos, o cabelo da modelo, a arte, tudo! Mas nunca pensei realmente em ler os livros. Tinha apenas curiosidade, mas não o suficiente.
            Apesar disso, minha irmã sempre me pediu para comprá-los, pois ela queria muito ler. Ainda estava em dúvida sobre se compraria ou não, e então, uma amiga minha, comprou. Já estava curiosa o suficiente, então os peguei emprestado para ler.
            Nunca poderia me arrepender de ter feito isso. Os livros são intrigantes e atraentes demais, não consegui largar por um minuto! Kiera Cass escreve de forma simples porém majestosa, seus personagens são muito bem montados e a história muito bem pensada.
            Em "Os contos da Seleção", temos a visão de Maxon, o Príncipe e a visão de Aspen, o Guarda. Além de três capítulos de A escolha, que na época ainda não havia sido lançado e muitos extras!
            No conto do Príncipe, descobrimos segredos e pensamentos de Maxon que não são muito bem explorados nos livros, por ter America como narradora. Uma antiga admiradora é revelada e seus pensamentos e atos, que são misteriosos para America e consequentemente para nós, são mais revelados neste conto.
            No conto do Guarda, podemos ver America com os olhos de Aspen, sua completa admiração pela mulher que é apaixonado e que confia plenamente. É desesperador ver como ele baseia tudo o que faz pensando nela. Ainda mais, sabendo que... bem, não quero revelar demais!
            Além desses dois contos, o mais interessante são os extras. Nele, podemos entender um pouco mais sobre todo o mundo de Illéa, a lista completa das selecionadas, os empregos para cada casta, além de conter uma entrevista muito interessante com Kiera Cass.
            O que mais me apaixonei nos extras, na verdade, foram as árvores genealógicas das famílias de America, Aspen e Maxon. Fiquei maravilhada como Kiera pensou e repensou em tudo antes de escrever a série. Em seus comentários sobre as famílias de cada um, pode-se ver e entender melhor o motivo dos pensamentos de cada personagem, até o comportamento misterioso de Clarkson Schreave, pai de Maxon.
            Quem aí já leu a série, ainda não leu "Os contos da Seleção", e está em dúvida se lê ou não, eu digo: recomendo. É uma leitura muito fácil, rápida e divertida, além de ser muito interessante. Não vai tomar muito do seu tempo e vai te ajudar a entender mais sobre a vida em Illéa, os pensamentos dos outros personagens, a visão de America com outros olhos e os motivos dos atos de cada um dos personagens.



Postado por: Gabriela Duarte.




- Procure preços para: A Seleção


 

Seguidores